Manual da Compra

Os 9 melhores celulares chineses para comprar em 2019

ATUALIZADO EM 28/06/2019 14:46:51 Admin

Você sabia que a maior parte dos celulares que estão entre os melhores do mundo são de fabricantes chinesas? Apesar do preconceito de muitas pessoas, as marcas chinesas estão dominando o mercado em vários lugares do mundo e oferecem aparelhos excelentes e com preços não tão caros quando comparado com marcas que tem uma popularidade maior como Samsung ou Apple.

Dar uma chance para essas fabricantes é abrir uma nova janela de oportunidades na hora de comprar, já que a quantidade de modelos disponíveis é extremamente grande. Além disso, você estará adquirindo aparelhos com as melhores tecnologias possíveis e muitas vezes inovadores. Marcas como Huawei, Xiaomi, Oppo e outras dominam rankings e fazem a cabeça dos amantes do mercado mobile no mundo inteiro. 

No artigo de hoje, vamos conhecer algumas das melhores opções disponíveis entre essas marcas chinesas. 

1º - Mi Mix 3

Mi Mix 3

Se você gosta de aparelhos “diferentes” o Mi Mix 3 vai ele chamar atenção. Como alternativa para ter uma tela com um grande aproveitamento e sem ter que usar algum tipo de entalhe, o Mix 3 apostou no sistema de slider mecânico, ou seja, para sua câmera selfie aparecer basta que você deslize o celular para baixo. É algo bem interessante e que na prática funciona muito bem, e não se preocupe, a duração deste mecanismo é alta, mesmo que você deslize várias vezes por dia. Seu conjunto de câmeras é excelente, com a principal tendo 12 MP e a secundária, para zoom óptico, também com 12 MP. Ele possui câmera dupla e flash na parte frontal também, com a principal de 24MP e a secundária de 2MP, apenas para fazer o efeito de profundidade. Este aparelho possui duas versões, sendo a normal com Snapdragon 845 e 6 de RAM, e uma já com suporte ao 5G, Snapdragon 855 e versões com 6, 8 ou 10 GB de RAM. Sua tela é AMOLED e possui 6,39 polegadas. Ele também possui suporte ao carregamento sem fio. O primeiro ponto negativo deste modelo é a falta de resistência contra água, algo que acaba sendo “comum” em todos os modelos da Xiaomi. Ele também possui um único alto-falante e sua bateria, pelo menos do modelo normal, é bem decepcionante, não só pelos números (3200 mAh), mas também pela duração que acaba sendo bem curta se algumas configurações de otimização não forem feitas. A bateria da versão 5G é de 3800 mAh então talvez este problema tenha sido resolvido neste modelo. 

  • Tela: AMOLED 6,39 polegadas (1080 x 2340)
  • Processador: Snapdragon 845 ou Snapdragon 855 (versão 5G)
  • RAM: 6 GB ou 6/8/10 GB (versão 5G)
  • Armazenamento: 64/128 GB ou 128/256 GB (versão 5G)
  • Câmeras traseiras: 12 MP (Principal), f/1.8, 1/2.55", 1.4µm, Dual Pixel PDAF, 4-axis OIS
  • 12 MP (Telephoto), 1/3.4", 1.0µm
  • Câmera frontal: slider 24 MP, 1/2.8", 0.9µm
  • 2 MP (sensor de profundidade)
  • Pontuação no DXOmark: 103 pontos
  • Bateria: 3200 maH ou 3800 maH (versão 5G)
  • Carregamento sem fio: sim
  • Proteção contra água: não
  • Sensor digital: na traseira

2º - Xiaomi Mi 9

Xiaomi Mi 9

O Mi 9 chega para entregar especificações de topo de linha por um preço bem mais acessível que seus concorrentes, estratégia que faz o nome da Xiaomi no mundo todo por anos. Este aparelho possui tudo que um top de linha tem: Tela Amoled (de 6,39 polegadas), Snapdragon 855, versões com 6 ou 8 de RAM, carregamento sem fio, digital na tela e muito mais. Ele é um aparelho muito bonito, com um design bem elegante, sendo provavelmente um dos mais bonitos desta lista. Suas câmeras não fazem feio; o conjunto triplo com uma principal de 48 MP, uma para zoom óptico de 12 MP e uma grande-angular de 16 MP alcançaram 107 pontos no DXOmark, uma pontuação bem alta principalmente pelo valor q esse aparelho é vendido. O fator preço é justamente o que o faz tão interessante e um dos mais procurados em todo o mundo. Um ponto negativo deste modelo é a falta de resistência à água, recurso que não pode faltar em aparelhos que querem brigar pelo mercado de celulares premium. Além disso, ele não possui alto-falantes estéreos e nem entrada para cartão de memória. 

  • Tela: AMOLED 6,39 polegadas (1080 x 2340)
  • Processador: Snapdragon 855
  • RAM: 6/8 GB
  • Armazenamento: 64/128 GB
  • Câmeras traseiras: 48 MP, f/1.8, 27mm (Principal), 1/2", 0.8µm, Laser/PDAF
  • 12 MP, f/2.2, 54mm (Telephoto), 1/3.6", 1.0µm, Laser/PDAF, 2x optical zoom
  • 16 MP, f/2.2, 13mm (Grande-angular), 1/3.0", 1.0µm, Laser/PDAF
  • Câmera frontal: 20 MP, f/2.0, 0.9µm
  • Pontuação no DXOmark: 107 pontos
  • Bateria: 3300 mAh
  • Carregamento sem fio: sim
  • Proteção contra água: não
  • Sensor digital: na tela

3º - Huawei Mate 20 Pro

Huawei Mate 20 Pro

Este aparelho foi lançado em 2018, mas ainda está entre os melhores celulares do mundo, e sabemos que isso não é uma tarefa fácil com a quantidade de aparelhos lançados todo mês. Ele possui o Kirin 980 e possui versões com 6 e 8 de RAM. Seu desempenho é muito bom, tirando o fato de que algumas vezes, em uma tentativa de otimizar o uso da RAM, seu gerenciador acaba fechando a execução de alguns apps menores. Sua tela é OLED com 6,39 polegadas e resolução 1140 x 3120. Ela possui um grande aproveitamento, mas ainda conta com a presença do notch, que abriga a câmera frontal, flash e também um infravermelho, recurso que melhora e dá mais segurança ao reconhecimento facial. Seu conjunto triplo de  câmeras traseiras Leicas segue a tendência da Huawei de sempre impressionar na qualidade das fotos, sendo a principal de 40 MP, uma grande-angular de 20 MP e uma de zoom óptico de 8 MP. Se você busca uma bateria grande, este celular também te atenderá perfeitamente, já que possui 4200 mAh, carregamento rápido de 40W (70% em apenas 30 minutos), carregamento sem fio e tecnologia de carregamento reverso sem fio. O ponto negativo deste aparelho é a falta de entrada para cartão de memória, alto-falantes estéreos que não funcionam tão bem assim. 

  • Tela: OLED 6,39 polegadas (1140 x 3120)
  • Processador: Kirin 980
  • RAM: 6/8 de RAM
  • Armazenamento: 128/256 GB
  • Câmeras traseiras: 40 MP, f/1.8, 27mm (Principal), 1/1.7", PDAF/Laser AF
  • 8 MP, f/2.4, 80mm (Telephoto), 1/4", PDAF/Laser AF, OIS, 3x optical zoom
  • 20 MP, f/2.2, 16mm (Grande-angular), 1/2.7", PDAF/Laser AF
  • Câmera frontal: 24 MP, f/2.0, 26mm 
  • Pontuação no DXOmark: 109 pontos
  • Bateria: 4200 mAh
  • Carregamento sem fio: sim
  • Proteção contra água: sim
  • Sensor digital: sim

4º - P30 Pro

P30 Pro

O P30 Pro é o melhor celular do mundo para quem busca um conjunto bem completo. Ele possui um processador HiSilicon Kirin 980 e uma GPU Mali-G76 MP10, com versões de 6 e 8 GB de RAM. Sua tela é OLED com 6.47 polegadas e resolução 1080 x 2340, com leitor biométrico já embutido. Além disso, conta com outras especificações bem interessantes como memória interna a partir de 128 GB, bateria de 4200 mAh com suporte a carregamento sem fio, carregamento rápido de 40W (até 70% em meia hora) entre vários outros fatores que o transforma em um celular com especificações muito poderosas e capazes de atender qualquer usuário. O  que mais impressiona é o seu conjunto de câmeras, que ocupa o topo do ranking DXO e dá o cargo de melhor câmera de celular do mundo atualmente. Em sua traseira podemos encontrar quatro câmeras, sendo uma Ultra-wide, a principal com uma lente grande angular, uma com zoom óptico, além de uma lente com tecnologia ToF, localizada abaixo dos flashs do aparelho. Seu zoom é de 5x óptico, conseguindo chegar à 10x de trabalhando de forma híbrida e até 50x de forma digital. Este modelo se destaca principalmente em fotos noturnas, entregando resultados incríveis que fazem o título de “rei da fotografia” totalmente justo. Sua câmera frontal é de 32 MP e mostra uma riqueza de detalhes nas fotos tiradas. O ponto negativo deste aparelho é justamente o seu preço, que acaba sendo extremamente alto por tudo que ele entrega. 

  • Tela: OLED 6.4 polegadas (1080 x 2340)
  • Processador: Kirin 980
  • RAM: 6/8 GB
  • Armazenamento: 128/256/512 GB
  • Câmeras traseiras: 40 MP, f/1.6, 27mm (Principal), 1/1.7", PDAF, OIS
  • Periscope 8 MP, f/3.4, 125mm (Telephoto), 1/4", PDAF, OIS, 5x optical zoom
  • 20 MP, f/2.2, 16mm (Grande-angular), 1/2.7", PDAF
  • TOF 3D camera
  • Câmera frontal: 32 MP, f/2.0, (wide), 0.8µm
  • Pontuação no DXOmark: 112 pontos 
  • Bateria: 4200 mAh
  • Carregamento sem fio: Sim
  • Proteção contra água: Sim
  • Sensor digital: na tela 

5º - Nubia Red Magic 3

Nubia Red Magic 3

O último celular da Nubia voltado para o mercado de jogos não foi muito convincente, já que de gamer mesmo só tinha a aparência. Para tirar essa má impressão a empresa lançou o Red Magic 3, um celular com configurações robustas e funções que realmente fazem jus a classificação de “celular gamer”. Ele possui especificações de um celular topo de linha: Snapdragon 855, GPU Adreno 640, uma bateria bem grande (5000 mAh), versões com 6, 8 e 12 GB de RAM e até 256 GB de armazenamento interno. Já são configurações mais que suficientes para rodar qualquer jogo para celular sem problema algum, mas a empresa foi além. Para começar em sua tela, que é AMOLED com 6,65 polegadas e uma taxa de atualização de 90 Hz, mais que muitos monitores que se dizem gamer. Este aparelho também possui refrigeração líquida e é o primeiro do mundo a possuir uma fan dentro. Ele possui um botão para colocá-lo no modo “gamer”, otimizando o celular, desligando algumas funções e criando um espaço totalmente renovado para seus jogos. Não podemos deixar de destacar seu design, com formas mais geométricas e LED RGB em sua traseira, algo bem característico de equipamentos gamer. O primeiro ponto negativo deste celular é seu sensor de digitais, que fica atrás e não na tela, como segue a tendência principalmente em celulares topo de linha. Ele também não possui proteção contra água e suas câmeras são boas, mas não quanto de todos os outros celulares desta lista que não são voltados para jogos. Além disso, este aparelho não possui entrada para cartão de memória.  

  • Tela: AMOLED 6,65 polegadas (1080 x 2340) com 90Hz
  • Processador: Snapdragon 855
  • RAM: 6/8/12 GB
  • Armazenamento:64/128/256 GB
  • Câmeras traseiras: 48 MP, f/1.7, 26mm (wide), 1/2.0", 0.8µm, PDAF
  • Câmera frontal: 16 MP, f/2.0, 2.0µm
  • Pontuação no DXOmark: ainda não foi feito o teste
  • Bateria: 5000 mAh
  • Carregamento sem fio: não
  • Proteção contra água: não
  • Sensor digital: na parte traseira

6º - Xiaomi Black Shark 2

Xiaomi Black Shark 2

Se você é viciado em jogos e quer um modelo especificamente para isso, então dá uma olhada no Black Shark 2. Ele é um celular extremamente poderoso e está sempre aparecendo entre os primeiros lugares nas listas de desempenho. O Shark 2 possui um processador Snapdragon 855 e versões com 6, 8 e 12 Gb de RAM, isso mesmo 12 GB de RAM. A empresa apostou em um design um pouco mais agressivo para o aparelho, com LED em sua parte de trás e detalhes robustos. Este aparelho consegue rodar qualquer jogo disponível para celular hoje sem nenhum problema, e graças ao resfriamento líquido, você também não precisará se preocupar com possíveis sobreaquecimentos. Este modelo também possui dois joysticks que podem ser encaixados nas laterais do aparelho, deixando a experiência de jogos mais interessante ainda. Ele possui um modo dedicado para jogos, que otimiza o celular e desliga algumas funções automaticamente, para você conseguir o melhor desempenho possível. Este aparelho conta com tudo que os melhores aparelhos do mercado possuem: Tela AMOLED, uma boa bateria, leitor biométrico na tela, câmeras boas (não tão boas quanto outros listados aqui, mas ainda são bem interessantes), entre outros recursos. Ele não possui entrada para cartão de memória, então este é um ponto negativo para este aparelho. Além disso, por se tratar de um aparelho gamer, sua tela já poderia ter começado a acompanhar a tendência deste mercado e, além de uma resolução maior, contar com uma taxa de atualização melhor. 

  • Tela: AMOLED 6,39 polegadas (1080 x 2340)
  • Processador: Snapdragon 855
  • RAM: 6/8/12 GB
  • Armazenamento: 128/256 GB
  • Câmeras traseiras: 48 MP, f/1.8, (Principal), 1/2", 0.8µm, PDAF
  • 12 MP, f/2.2, (Telephoto), 1.0µm, PDAF, 2x optical zoom
  • Câmera frontal: 20 MP, f/2.0, 0.9µm
  • Pontuação no DXOmark: ainda não foi feito o teste
  • Bateria: 4000 mAh
  • Carregamento sem fio: não
  • Proteção contra água: não
  • Sensor digital: na tela

7º - Honor 20 Pro

Honor 20 Pro

A Huawei já está acostumada em colocar vários celulares no topo dos mais diversos rankings. Lançado recentemente, o Honor 20 Pro chega com especificações excelentes e um preço bem chamativo. Ele possui o processador Kirin 980, 8 GB de RAM de 256 GB de armazenamento interno. Sua tela é LCD e possui 6,2 polegadas, na resolução full HD+ (2340 x 1080). O celular consegue um desempenho excelente em praticamente qualquer aplicativo, e sua autonomia é bem interessante graças à sua bateria de 4000 mAh. O ponto forte deste modelo é o conjunto de câmeras, sendo uma de 48 MP como principal, uma de 16 MP grande-angular, uma de 8 MP para com óptico e uma de 2 MP para macro. Sua câmera selfie possui 32 MP. A qualidade de todo esse conjunto de câmeras é incrível e atingiu o terceiro lugar no ranking global das câmeras mobile. Para ter um preço tão em conta quando comparado ao P30 Pro, por exemplo, a empresa abriu mão de leitor biométrico na tela (neste modelo o leitor fica no botão power), carregamento wireless, entrada para cartão de memória (mesmo que 256Gb seja uma memória excelente) e uma tela OLED ou AMOLED. O ponto negativo deste aparelho é justamente a falta de alguns recursos que já estão chegando até em celulares intermediários, como, por exemplo, o leitor biométrico na tela. 

  • Tela: IPS LCD 6,39 polegadas (1080 x 2340)
  • Processador: Kirin 980
  • RAM: 8 GB
  • Armazenamento: 256 GB
  • Câmeras traseiras: 48 MP, f/1.4, 28mm (Principal), 1/2", 0.8µm, Laser/PDAF, OIS
  • 8 MP, f/2.4, 80mm (Telephoto), 1/4.4", Laser/PDAF, OIS, 3x optical zoom
  • 16 MP, f/2.2, 13mm (Grande-angular), 1/3.1"
  • 2 MP, f/2.4, 27mm (macro)
  • Câmera frontal: 32 MP, f/2.0, 0.8µm
  • Pontuação no DXOmark: 111 pontos
  • Bateria: 4000 mAh
  • Carregamento sem fio: não
  • Proteção contra água: sim
  • Sensor digital: botão lateral

8º - OnePlus 7 Pro

OnePlus 7 Pro

O lançamento mais recente da OnePlus chega para incomodar seus concorrentes que estão no topo do mercado. Na lista do Antutu de maio ele foi considerado o celular mais rápido do mundo!! Isso se dá pelo seu Snapdragon 855 em conjunto com a GPU Adreno 640, que quando aliados aos 6 ou 8 de RAM disponíveis no aparelho, fazem com que ele tenha uma fluidez incrível. Ele possui uma tela AMOLED com 6.67 polegadas e resolução 1140 x 3120 e no padrão “infinita”. Isso mesmo, ela não possui entalhes, suas bordas são muito finas e sequer possui câmera frontal, fazendo com que o aproveitamento de tela seja bem alto. Mas espera ai, sem câmera selfie? Como assim? Essa é a parte legal deste aparelho! Ele chega com uma câmera selfie de 16 MP retrátil, ou seja, com a ajuda de um motor ela “sai de dentro” do aparelho, fazendo com que não precise ficar alocada na tela como grande parte dos celulares de hoje. Se você busca algo bem diferente, o OP7 Pro é uma boa pedida! Seu conjunto de câmeras triplas na traseira também se destaca e está na quarta posição da lista do DXOmark hoje, gerando fotos muito boas em qualquer ambiente. Como pontos negativos deste aparelho se destaca a falta de resistência à água, falta de carregamento sem fio, memória não expansível e também algo que pode irritar muitas pessoas: falta de entrada P2 para fone de ouvido. 

  • Tela: Fluid AMOLED 6,67 polegadas
  • Processador: Snapdragon 855
  • RAM: 6/8/12 GB
  • Armazenamento: 128/256 GB
  • Câmeras traseiras:48 MP, f/1.6, (Principal), 1/2", 0.8µm, Laser/PDAF, OIS
  • 8 MP, f/2.4, 78mm (Telephoto), 3x zoom, Laser/PDAF, OIS
  • 16 MP, f/2.2, 13mm (Grande-angular)
  • Câmera frontal: 16 MP, f/2.0, 25mm, 1/3.0", 1.0µm retrátil
  • Pontuação no DXOmark: 111 pontos
  • Bateria: 4000 mAh
  • Carregamento sem fio: não
  • Proteção contra água: não
  • Sensor digital: na tela

9º - Oppo Reno 10x zoom

Oppo Reno 10x zoom

O P30 Pro impressionou muita gente pela qualidade de suas fotos e também de seu zoom, que consegue imagens com alta qualidade e chega em 50x. PAra entrar nessa briga, a Oppo lançou o seu modelo 10x, que consegue zoom óptico de 5x, 10x de forma híbrida e até 60x em seu máximo. Este aparelho também conta com a tecnologia de câmera retrátil, o que significa que sua tela possui um ótimo aproveitamento já que suas bordas são bem finas e não possui nenhum tipo de entalhe. Ainda sobre as câmeras, ele possui três em sua parte traseira, uma com 48 MP, uma com 13 MP e outra com 8 MP. Este aparelho é capaz de produzir fotos excelentes e não deixa a desejar quando comparado a concorrentes bem fortes neste mercado de câmera mobile. Em termos de processamento, ele possui o Snapdragon 855 e uma GPU Adreno 640. Possui versões com 6 e 8 de RAM e armazenamento interno de 128 ou 256 GB, podendo ser expandido via cartão de memória. O primeiro ponto negativo é a falta de resistência contra água, que é um recurso bem interessante em celulares nesta categoria. Além disso, ele não conta com a entrada P2 para fone de ouvidos e nem carregamento sem fio. 

  • Tela: AMOLED 6,6 polegadas (1080 x 2340)
  • Processador: Snapdragon 855
  • RAM: 6/8 GB
  • Armazenamento:128/256 GB
  • Câmeras traseiras: 48 MP, f/1.7, 26mm (Principal), 1/2.0", 0.8µm, Laser/PDAF, OIS
  • Periscope 13 MP, f/3.0, 130mm (Telephoto), 5x optical zoom, Laser/PDAF, OIS
  • 8 MP, f/2.2, 16mm (Grande-angular)
  • Câmera frontal: retrátil 16 MP, f/2.0, 26mm
  • Pontuação no DXOmark: ainda não foi feito o teste
  • Bateria: 4065 mAh
  • Carregamento sem fio: não
  • Proteção contra água: não
  • Sensor digital: na tela

Conclusões

Qualidade é o que não falta entre todos os aparelhos citados. Muitos deles estão sendo inovadores no quesito “novas tecnologias” e estão forçando o mercado mundial de celulares à sempre estar melhorando seus produtos se quiserem competir de igual para igual. O maior ponto desses aparelhos é que eles possuem preços bem atraentes, mesmo importando e pagando os devidos impostos. 

Existem dois pontos que acabam afastando alguns consumidores destes modelos, que é a falta de garantia em alguns casos e também a falta de conhecimento sobre a marca. No primeiro caso, marcas como a Xiaomi e Huawei já estão de volta ao Brasil, então você pode adquirir aparelhos com garantia diretamente de suas lojas oficiais. Já no segundo ponto, esse artigo é justamente para lhe dar informações sobre esses aparelhos. 

Existem diversos modelos de celulares chineses para atender os mais diferentes gostos, esses são apenas alguns dos aparelhos brigam na lista de melhores celulares disponíveis atualmente. 

O que achou dos celulares? Deixe ai nos comentários!