Manual da Compra

Top 10 melhores ar-condicionado portátil em 2021

O Brasil é um país tropical e em muitos períodos do ano “sofre” com o calor intenso, por isso o ar-condicionado é um ótimo aliado na luta contra as altas temperaturas. No entanto, nem todo mundo pode fazer as obras necessárias para a instalação de modelos convencionais, por isso o Manual da Compra preparou uma lista com os melhores modelos de ar-condicionado portátil para comprar em 2021.

Esses modelos têm como vantagens a mobilidade e fácil instalação. Você pode facilmente mudar seu aparelho de cômodo, por exemplo, e não precisa de nenhum profissional para instalar, pois não serão necessárias reformas.

Eles também são mais baratos que os tradicionais, por isso são escolhas frequentes de quem mora em apartamentos, por exemplo. No entanto, o ar-condicionado portátil é menos potente que os Splits (modelos de parede), por isso são indicados para cômodos pequenos.

Veja abaixo alguns pontos para ficar de olho ao escolher um ar-condicionado portátil:

  • Potência
  • Nível de ruídos
  • Consumo de energia
  • Funções especiais
  • Quantidade de BTUs necessária

Como escolher a quantidade de BTUs ideal

É utilizada a medida de 600 BTUs para cada metro quadrado em cômodos que recebem pouca luz solar durante o dia e 800 BTUs por metro quadrado para cômodos com muita da luz solar. A quantidade de aparelhos eletrônicos presentes no local, lâmpadas, janelas, cortinas e até quantas pessoas estarão no ambiente também influenciam no cálculo. Veja abaixo uma tabela com a quantidade aproximada por m²:

Área total do cômodo BTUs aproximados
até 9 m² 7.000 BTUs
12 m² 7.000 BTUs
15 m² 9.000 BTUs
20 m² 12.000 BTUs
25 m² 15.000 BTUs
30 m² 18.000 BTUs
35 m² 21.000 BTUs
40 m² 24.000 BTUs
45 m² 27.000 BTUs
50 m² 30.000 BTUs
60 m² 36.000 BTUs
70 m² 42.000 BTUs
Continuar a Ler
10º - Gree portátil (GPC10AH... O baratinho da lista
9º - Britânia (BAC11000F3) ... Modelo 3 em 1
8º - Agratto (ACP11F) - 11.... Outro modelo 3 em 1
7º - Philco (PAC11000F3) - ... Modelo com controle remoto
6º - Springer Midea portáti... Modelo econômico
5º - Philco (PH10000F2) 4 e... Modelo 4 em 1
4º - Olimpia Splendid Piu -... Modelo econômico e potente
3º - Olimpia Splendid Dolce... Modelo silencioso e eficiente
2º - Delonghi Pinguino (N12... Um dos melhores da lista
1º - DeLonghi Pinguino (AN1... Melhor ar condicionado portátil

10º - Gree portátil (GPC10AH-A3NNC3DAR ) - 10000 BTUs

Gree portátil (GPC10AH-A3NNC3DAR ) - 10000 BTUs

O Gree portátil é uma opção barata voltada para cômodos menores. Ele tem 10.000 BTUs e conta com três modos de funcionamento, sendo eles: modo Frio (16°C até 30°C), Modo Dry (desumidificador) e o Modo Fan, onde o ar-condicionado emitirá apenas vento, funcionando como um ventilador mesmo.Ele possui revestimento externo resistente à chuva e exposição ao sol, além de um nível de ruído bem baixo.

  • BTUs: 10000
  • Potência: Não informado 
  • Nível de ruídos: Não informado
  • Consumo aproximado de energia: Não informado 

9º - Britânia (BAC11000F3) - 11.000 BTUs

Britânia (BAC11000F3) - 11.000 BTUs

Esse ar-condicionado da Britânia é de fácil instalação e pode ser levado para qualquer cômodo da casa, já que ele possui puxador e rodinhas que facilitam a sua locomoção. Assim como outros modelos dessa lista, ele é 3 em 1, por isso resfria, ventila e desumidifica ambientes. A fabricante destaca o uso do gás ecológico R-410, que não é inflamável e é menos nocivo à camada de ozônio.

Ele possui um display digital para que o usuário possa controlar todas as suas funções, que envolvem oscilação, velocidade, função de timer, modo dormir e escolha das três diferentes operações. Ele conta com um filtro de ar anti-bactéria de fácil limpeza.

  • BTUs: 11.000
  • Potência: 1350W
  • Nível de ruídos: não informado
  • Consumo aproximado de energia: 1,5 kWh

8º - Agratto (ACP11F) - 11.000 BTUs

Agratto (ACP11F) - 11.000 BTUs

Esse ar-condicionado da Agratto é um modelo 3 em 1, ele consegue resfriar o ambiente, ventilá-lo e até desumidificar. A fabricante destaca que ele não precisa de instalação fixa, pois tem rodinhas, então pode ser usado em diferentes ambientes. Assim como outros modelos do mercado, ele tem controle remoto para dar mais comodidade na hora de ligá-lo, desligá-lo ou mesmo alternar entre suas funções.

Por falar em funções, ele conta com um timer que programa o tempo de funcionamento em até 24 horas. Esse aparelho ainda tem função “Dormir”, aletas oscilantes e três velocidades de ar diferentes.

  • BTUs: 11.000
  • Potência: 1260W
  • Nível de ruídos: 52 Db
  • Consumo aproximado de energia: não informado

7º - Philco (PAC11000F3) - 11.000 BTUs

Philco (PAC11000F3) - 11.000 BTUs

Seguindo os passos do modelo F2, esse ar-condicionado portátil da Philco tem design moderno e é muito eficiente. Ao todo são 11.000 BTUs, podendo ser usado em ambientes de até 20 metros quadrados. Ele possui timer, por isso pode ser programado para começar a funcionar e desligar em horários específicos. A fabricante destaca a sua função de oscilar, que trabalha com três velocidades: alta, média e baixa.

Um controle remoto acompanha o aparelho para dar mais praticidade na hora de acionar outras funções, que incluem ligar e desligar o aparelho, ativar o modo dormir e escolher entre seus três modos de operação: resfriar, desumidificar e ventilar. Esse aparelho possui filtro de ar anti bactérias.

  • BTUs: 11.000
  • Potência: 1600W
  • Nível de ruídos: não informado
  • Consumo aproximado de energia: não informado

6º - Springer Midea portátil - 12000 BTUs

Springer Midea portátil - 12000 BTUs

Além de potente e eficiente, o Spring Midea é equipado com o fluido inteligente R-410a que não agride a camada de ozônio. Ele tem 12.000 BTUs e é bem simples quanto às suas funções, mas consegue entregar uma boa qualidade de refrigeração. Ele possui funções de “Timer”, “Não Perturbe”, e “dormir”, que regula a temperatura ambiente por até 7 horas, melhorando a noite de sono dos usuários.

A fabricante afirma que esse aparelho é mais econômico que os concorrentes, e apesar de ele ter o selo Classe A, não foi informado o seu consumo médio de energia.

  • BTUs: 12000
  • Potência: 1085W
  • Nível de ruídos: Não informado pela fabricante
  • Consumo aproximado de energia: Classe A com valores não informados

5º - Philco (PH10000F2) 4 em 1 - 9.000 BTUs

Philco (PH10000F2) 4 em 1 - 9.000 BTUs

Uma ótima opção da Philco para cômodos pequenos é o PH10000F2, modelo que é 4 em 1. Além de resfriar o ambiente, ele também ventila, purifica e desumidifica o ar. São 9.000 BTUs e 1200W de potência, o que o torna bem eficiente em locais pequenos. A empresa destaca a função Timer, que permite programar o seu funcionamento com até 24 horas de antecedência.

Com a função de Auto Evaporação, não é necessário fazer a drenagem da água formada pela condensação. Esse ar-condicionado da Philco reduz a proliferação de vírus e bactérias no ambiente.

  • BTUs: 9000 
  • Potência: 1200W
  • Nível de ruídos: Não Informado
  • Consumo aproximado de energia: 25,2 kWh/mês

4º - Olimpia Splendid Piu - 12000 BTUs

Olimpia Splendid Piu - 12000 BTUs

O Olimpia Piu tem 1050W de potência e uma vazão de 480m³/h. Apesar de ter 12.000 BTUs (bom para ambientes de até 20m²), a fabricante afirma que ele consegue gelar bem um ambiente de até 25m². Ele é um modelo silencioso e também pode gerar ar quente, por isso você estará comprando um aparelho tanto para épocas de calor quanto para as de frio, já que terá um ambiente totalmente aquecido.

Ele possui tecnologia Blue Air, que “garante a melhor difusão de ar fresco no ambiente”. Todas as suas funções podem ser ativadas pelo painel touch. Basta ligar o recurso Silent para ter uma baixa taxa de ruídos

  • BTUs: 12000
  • Potência: 1050W 
  • Nível de ruídos: 38 Db
  • Consumo aproximado de energia: 1,05KWh

3º - Olimpia Splendid Dolceclima Compact - 9.000 BTUs

Olimpia Splendid Dolceclima Compact - 9.000 BTUs

A Olimpia é uma marca já conceituada no segmento de ar-condicionado portátil, sendo conhecida por ter aparelhos de ótima qualidade. O Dolceclima Compact possui 9.000 BTU, é silencioso e eficiente, conforme afirma a própria fabricante. Todas as suas funções podem ser ativadas pelo seu display LCD, ou mesmo pelo controle remoto que acompanha o aparelho.

Esse modelo não tem reservatório de água, pois devolve toda a água excedente para o próprio ambiente. Seu timer pode ser programado em até 12 horas, e o sistema triplo de filtragem garante um ar limpo para o ambiente. Ele também conta com funções de desumidificar, ventilar e regular o resfriamento automaticamente de acordo com a temperatura do ambiente.

  • BTUs: 9.000
  • Potência: não informado
  • Nível de ruídos: 47 a 52 Db
  • Consumo aproximado de energia: não informado

2º - Delonghi Pinguino (N120) - 12000 BTUs

Delonghi Pinguino (N120) - 12000 BTUs

O N120 possui um design bonito, acabamento robusto e entrega uma ótima eficiência para cômodos de até 20 m². O usuário não precisa se preocupar com o abastecimento ou retirada da água, já que esse ar-condicionado possui um sistema de condensação diferenciado. Ele utiliza o gás R410a e tem um baixo nível de ruídos, então você pode deixá-lo ligado enquanto dorme tranquilamente.

Este modelo também chega com outras duas funções: a de ventilação e desumidificação, que evita a proliferação de fungos e bactérias no ar. com o controle remoto você pode alternar entre essas funções, escolher a velocidade da ventilação, usar o timer, entre outras possibilidades.

  • BTUs: 12000
  • Potência: 1140W
  • Nível de ruídos: 53.5 a 54.5 Db
  • Consumo aproximado de energia: 1,1 KWh

1º - DeLonghi Pinguino (AN130) - 13.000 BTUs

DeLonghi Pinguino (AN130) - 13.000 BTUs

Um dos melhores disponíveis no mercado. O DeLonghi possui 13.000 BTUs, e junto com a potência de 1400W, consegue refrigerar cômodos maiores sem grandes problemas. A fabricante destaca a função “RealFeel”, que oferece um equilíbrio entre boa temperatura e umidade, o que garante um ar de ótima qualidade. Além de potente ele também é silencioso, já que o seu nível de Db é de no máximo 54 Db.

O AN130 conta com diferentes velocidades de ventilação, filtro de ar, timer, controle remoto entre outros recursos. Ele é ideal para ambientes de até 46m², e todas as suas funções podem ser controladas diretamente pelo painel em LCD digital.

  • BTUs: 13.000
  • Potência: 1300W
  • Nível de ruídos: 54 Db
  • Consumo aproximado de energia: não informado

Conclusões

O ar-condicionado portátil chega para salvar a vida daqueles que não podem ou não querem fazer instalações fixas em suas casas, ou então que necessitam refrigerar cômodos pequenos. Quem mora em apartamento e não pode fazer nenhuma alteração na estrutura vê esses aparelhos como a opção perfeita para escapar do calor.

Apesar de não serem tão fortes quanto os tradicionais, estes aparelhos conseguem entregar um ótimo desempenho. Fatores como a mobilidade de poder transportá-los para qualquer lugar também é um grande ponto positivo na hora de escolher os portáteis. O mercado está repleto de bons modelos, e agora com as nossas indicações ficou fácil de você escolher qual é o melhor para as suas necessidades.